6 medidas de segurança na estrada em épocas de chuva

6 medidas de segurança na estrada em épocas de chuva

Chegamos à reta final do ano, época de tráfego intenso nas rodovias, já que as pessoas aproveitam o recesso entre Natal e Ano Novo para cair na estrada. No entanto, a estação mais quente do ano é marcada pelas chuvas, muitas vezes intensas, o que necessita cuidado extra dos motoristas.

Você sabe quais medidas de segurança na estrada pode tomar em épocas de chuva para garantir uma viagem tranquila? Veja abaixo 6 dicas para aproveitar a viagem sem preocupações:

Atenção redobrada

Manter a atenção total no trânsito é uma medida que vale para qualquer momento na via, porém, ela deve ser redobrada em situações de chuvas torrenciais ou tempestades, comuns durante o verão. Evite usar o celular, comer ou qualquer atividade que possa tirar a atenção completa do trânsito. Mantenha as duas mãos no volante o tempo todo e evite fazer ultrapassagens, uma vez que a pista molhada pode torná-las arriscadas.

Visibilidade

A visibilidade fica prejudicada durante chuvas fortes. Atente-se ao uso dos limpadores de para-brisa e desembaçadores. Além disso, mantenha o farol baixo nas rodovias, segundo lei do Código Brasileiro de Trânsito, uma vez que o farol alto pode prejudicar a visão dos demais motoristas da via.

Desacelere

A pressa pode ser inimiga de um trânsito seguro, por isso, respeite o limite de velocidade indicado nas placas, ou siga a recomendação de dirigir a 60km/h para evitar acidentes. Mantenha-se alerta ao trânsito e evite frear bruscamente, especialmente com a via molhada.

Distância segura

Um ponto muito importante para garantir a segurança na estrada durante chuvas fortes ou tempestades é manter uma distância segura entre um veículo e outro. Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, para calcular a distância de segurança é preciso levar em conta o tempo médio de reação do condutor até o momento de pisar no freio, que é cerca de 1 segundo. Para carros a 60km/h, isso equivale a 18 metros antes de conseguir frear de fato. Além disso, é preciso calcular a distância de frenagem: a 60km/h, são 20 metros, em média. Ou seja, para essa velocidade, você deve manter uma distância de 38 metros do carro da frente para frear de forma segura, em caso de emergências.

Cuidado com a aquaplanagem

Ao sentir o carro deslizando sobre a água, o primeiro impulso é pisar o pé no freio. No entanto, muitas vezes isso pode fazer as rodas do carro travarem e ele patinar ainda mais. O mais indicado é tirar o pé do acelerador e mover levemente a direção, para que os pneus recuperem o contato com o asfalto.

Durante tempestades, espere

Por último, o mais seguro a se fazer durante uma forte tempestade é procurar um local seguro para parar o carro e aguardar. Sobretudo, evite ficar no acostamento, já que isso pode confundir outros carros e causar acidentes.

Agora que você já sabe o que fazer caso enfrente chuvas na estrada, aproveite a viagem com segurança!

Leia Mais

Semana Nacional de Trânsito (18 a 25/09): prevenção à vida no trânsito

No Brasil, a cada uma hora, cinco pessoas morrem em acidentes de trânsito, segundo o Conselho Federal de Medicina. Nos últimos dez anos, foram 1.636.878 vítimas graves no País, sendo que 60% delas envolveram pessoas entre 15 e 39 anos. Os dados são alarmantes, uma vez que 90% dos acidentes ocorrem por falha humana, incluindo a desatenção dos condutores e o desrespeito às leis de trânsito, segundo o Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV).

A fim de envolver a sociedade em ações de prevenção e controle de acidentes, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) vem investindo em campanhas de conscientização entre maio de 2019 e abril de 2020, com o lema “No trânsito, o sentido é a vida”. Neste mês, de 18 a 25 de setembro, a iniciativa se fortifica ainda mais com a Campanha da Semana Nacional de Trânsito.

Neste período, órgãos e entidades que integram o Sistema Nacional de Trânsito promovem eventos e ações educativas com uma única finalidade: conscientizar os cidadãos para que contribuam com as iniciativas de segurança e valorização da vida propostas pela legislação de trânsito.

De outubro a dezembro, segundo o Portal do Trânsito, o foco será nos ciclistas, abordando temas como:

  • Outubro: Bicicletas como meio de locomoção, o que saber para se proteger e proteger o ciclista;
  • Novembro: Campanha de conscientização de preservação da vida no trânsito pelo Dia Mundial em Memória às Vítimas do Trânsito;
  • Dezembro: Bicicleta nas férias escolares e o seu convívio no trânsito.

De janeiro a abril de 2020, os temas estarão relacionados a motociclistas:

  • Janeiro: Respeite o motociclista, respeite a vida;
  • Fevereiro: Valorização da Lei Seca e a sua importância na redução de acidentes;
  • Março: Capacete é vida;
  • Abril: Campanha de educação sobre utilização do celular quando estamos em movimento, nos papéis de pedestre/ciclista/condutor.

Como uma empresa de engenharia consultiva, diversos serviços prestados pela Dynatest são voltados à infraestrutura rodoviária, nos quais a segurança é prioridade para passageiros, pedestres e condutores. Por isso, apoiamos a iniciativa e buscamos cada vez mais aprimorar estudos e projetos rodoviários pela preservação da vida.

Leia Mais